Espaço da Criança

ENTRAR

O respeito às normas e uma dose de gentileza podem ajudar na convivência no trânsito e diminuir estresses do dia-a-dia. É possível melhorar o fluxo se cada um cumprir o seu papel

“Você não está no trânsito. Você é o trânsito”. A frase, que já inspirou um premiado documentário brasileiro sobre mobilidade (disponível em http://migre.me/iPcpS), é pequena, mas faz uma diferença danada. O ir e vir na cidade não é fácil. No caos provocado pela falta de planejamento urbano, sofre pedestre, ciclista, motociclista e motorista. Sofre o usuário do transporte público. Todos esbravejam – é mais fácil apontar a culpa do que fazer parte da solução. Mas, e se assumíssemos a nossa parte da responsabilidade por um trânsito melhor, faria diferença?

A necessidade de investimento no transporte público e, consequentemente, de oferecer menos espaço para os veículos circularem é a principal alternativa para melhorar o trânsito caótico observado atualmente nas regiões metropolitanas, como é o caso do Grande ABC. Isso é o que defendem especialistas ouvidos pelo Diário durante seminário sobre os desafios do transporte sustentável, realizado no Rio de Janeiro pela Scania.

NOVAS VAGAS

Portaria MCTrans DTP Nº 004/2014 de fevereiro de 2014. Fica autorizado o cadastramento para emissão de 16 (dezesseis) autorizações para a prestação do Serviço de Transporte Escolar Urbano.

Portaria

Regulamento